Estudos de Literatura, cultura e tradução

Na Linha Estudos de Literatura, Cultura e Tradução desenvolvem-se pesquisas sobre textos literários, em suas relações com outras áreas de conhecimento e em sua interface com seu contexto histórico-social. Os projetos em curso são os seguintes:

 

Narrativa ficcional e factual na literatura de língua alemã (Início: 01/01/2017)

O projeto dedica-se ao estudo de textos ficcionais (romances, contos e novelas), textos autobiográficos e testemunhos. O enfoque está nos recursos narrativos e midiáticos que configuram as relações com a realidade e determinam a recepção ficcional ou factual dos textos. É dada ênfase especial à literatura contemporânea.

Docentes: Helmut Paul Erich Galle (responsável); Celeste Ribeiro de Sousa; Luciana Villas Bôas

 

Literatura, história e sociedade (Início: 01/08/2017)

Pesquisa que trata a literatura em língua alemã a partir de sua relação com a sociedade. Prosa, poesia, teatro e textos críticos são estudados a partir de um ponto de vista histórico, de modo a identificar a matriz social da produção literária, sem prejuízo da possibilidade de abordá-los em relação a outras formas artísticas e a disciplinas afins.

Docentes: Tercio Redondo (responsável); Stefan Wilhelm Bolle; Celeste Ribeiro de Sousa

 

Literatura como possibilidade de conhecimento: um estudo sobre a autorreflexão literária de autores de língua alemã (Início: 01/01/2017)

A pesquisa tem por objetivo analisar textos da literatura de língua alemã nos quais se estabelece uma relação entre a escrita literária e a possibilidade de conhecimento (Erkenntnis). Compreende-se que tais textos se inserem na discussão epistemológica do momento histórico em que foram escritos e procuram oferecer um questionamento ou uma alternativa a modelos de conhecimento entendidos como restritos. Foco do projeto são textos literários e ensaios de autores de língua alemã dos séculos 19 e 20, tais como Ludwig Tieck, Heinrich von Kleist, E. T. A. Hoffmann, Georg Büchner, Rainer Maria Rilke, Hermann Broch, Elias Canetti, Paul Celan, Ingeborg Bachmann, entre outros.

Docentes: Juliana P. Perez (responsável); Helmut Paul Erich Galle

 

Literatura e Imaginário Político (Início 01/01/2017)

O projeto investiga o papel desempenhado pela Literatura na elaboração do imaginário político; seja na definição de comunidades imaginárias como a nação, ou a esfera pública, seja na visibilização de figuras e conceitos políticos (Estado, soberania ou humanidade). Explora-se a relação entre Literatura, Filosofia Política e Ciências Sociais, com ênfase particular na fronteira entre público e privado, a codificação da intimidade e das emoções.

Docentes: Luciana Villas-Bôas Castelo Branco (responsável); Stefan Wilhelm Bolle; Helmut Paul Erich Galle

 

Literatura de Viagem (Início: 01/05/2019)

O projeto consiste em focalizar textos e gêneros literários que tratam de viagens por espaços das culturas alemã e brasileira, incluindo também outros espaços culturais. Essas viagens podem focalizar um país inteiro, determinadas paisagens e cidades, descrevendo as suas características gerais e, especificamente, a sua topografia cultural. A dimensão teórica e a perspectiva comparada são componentes importantes dessas pesquisas.

Docente: Stefan Wilhelm Bolle (responsável); Luciana Villas Bôas

 

Relações literárias Brasil-Países de Língua Alemã (Início 1/4/2019)

O projeto tem por alvo capturar, analisar e interpretar vestígios que ilustrem os relacionamentos culturais entre o Brasil e os países de fala alemã deixados em obras literárias (poesia, prosa e teatro, eventualmente ensaística). Trata-se de investigar minuciosamente a tessitura linguística desses vestígios, observar como se arquitetam e avaliar o alcance da recepção desse fenômeno junto ao receptador (leitor, espectador, “atuante”). A este projeto estão vinculadas as atividades do grupo de pesquisa RELLIBRA, que reúne pesquisadores de outras instituições.

 Docentes: Celeste Ribeiro de Sousa (responsável); Tercio Redondo

 

Tradução e estudo da recepção de literatura traduzida (alemão/português) (Início: 01/08/2017)

Este projeto visa, de um lado, produzir traduções brasileiras, comentadas e anotadas, para obras literárias de expressão alemã inédita no Brasil. Também envolve pesquisas que enfoquem o estudo da recepção de obra literária brasileira vertida ao alemão. Em ambos os casos, os trabalhos conjugam aportes teóricos e metodológicos extraídos das vertentes funcionais e sistêmicas dos Estudos da Tradução, bem como dos Estudos Culturais e da Teoria Literária.

Docentes: João Azenha Junior (responsável); Juliana P. Perez; Tercio Redondo; Paulo Sampaio Xavier de Oliveira

 

PROJETO PROBRAL (CAPES/DAAD): Aspectos da dicção em perspectiva comparada: alemão-português (Br)

O objetivo do projeto é comparar aspectos do português e do alemão que não pertencem à dimensão do conteúdo, mas à dimensão formal de enunciados e que aqui serão sintetizados no conceito de dicção (Genette, 1991). Partindo do âmbito da oralidade, o termo engloba fenômenos fonéticos e prosódicos que possuem relevância tanto para a mais simples comunicação cotidiana, como para a comunicação técnica e para a constituição métrica e rítmica de um poema. Entre outros aspectos, dicção também diz respeito a aspectos da organização estilístico-discursiva da escrita que, por sua vez, podem ser identificados em textos utilitários, bem como na configuração de um romance. Por ser interdisciplinar, este projeto faz está vinculado às duas linhas de pesquisa.

Docentes: Helmut Galle (responsável- USP); Tinka Reichmann (responsável- Uni Leipzig); Juliana P. Perez